Artigos Científicos

26 de dezembro de 2011

POLÍTICAS HÍDRICAS E A GESTÃO PARTICIPATIVA

RESUMO: Historicamente a escassez de água no Nordeste do Brasil, em particular no Estado do Ceará, onde aproximadamente noventa por cento do seu território está contido no ecossistema semi-árido, tem sido um desafio à ação governamental, portanto fez-se necessário buscar soluções para os problemas históricos de secas e problemas sociais da região. No princípio as ações estatais eram vinculadas aos […]
26 de dezembro de 2011

ENERGIA EÓLICA DO CEARÁ: UMA ALTERNATIVA PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

LUCYÉLLEN VIEIRA DO NASCIMENTO RESUMO: Com a crescente preocupação em torno dos problemas com o meio ambiente e devido aos impactos causados pelas formas tradicionais de geração de energia, vários países vêm investindo, na tentativa de complementar e transformar seus parques energéticos com a introdução de fontes alternativas de energia. Com isso o desenvolvimento da energia eólica no mundo apresenta-se […]
26 de dezembro de 2011

MUDANÇAS PROVOCADAS PELA REVOLUÇÃO VERDE NO BRASIL E NO MUNDO A PARTIR DOS ANOS SESSENTA

SHARA CARNEIRO CARDOSO ABSTRACT This paper analyzes the socioeconomic and environmental consequences of the modernization of agricultural practices due to the “Green Revolution”. These changes occurred around the world, mainly in the tropics and subtropics, being implemented in Brazil during the military regime, being the sixties of the last century the great starting point. New methods of planting were implemented […]
26 de dezembro de 2011

SUSTENTABILIDADE DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA NO QUE SE REFERE A EMANCIPAÇÃO DAS FAMÍLIAS BENEFICIADAS

DENISE BRASIL DE ARRUDA RESUMO: Com o objetivo de acabar com a desigualdade social e da pobreza o Governo Lula, em 2003, resolveu unir todos os programas de transferências de renda já existentes e criar um programa unificado chamado Programa Bolsa Família. Esse programa tem como foco principal amenizar a distribuição desproporcional de renda existente no Brasil. Partindo-se dessa realidade, […]
9 de março de 2011

O FINANCIAMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA NO ESTADO DO MARANHÃO: um estudo crítico sobre o custo-aluno qualidade do ensino fundamental a partir do FUNDEF

RITA MARIA TORQUATO FERNANDES BULHÃO: Dissertaçao de Mestrado ABSTRACT: This paper aims to analyze the financial politics of the Basic Education in Brazil, especially in the State of Maranhão, from the Law nº 9.424/2006 which established the Manutention Fund and Development of the Fundamental Teaching and the Schooling Valorization (FUNDEF). It is also analyzed the reform of the Brazilian State […]
1 de dezembro de 2010

TDR: PRONAF AULA DO DIA 01/12/2010

TEORIAS DO DESENVOLVIMENTO RURAL – TDR PAUTA DA AULA DO DIA 01/12/2010 TEMA: MICROCRÉDITO RURAL E PRONAF
8 de outubro de 2010

OSIAS PEREIRA DA SILVA: EXCLUSÃO SOCIAL NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO

O trabalho caracteriza o Semi-Arido brasileiro e mostra os indicadores de Exclusão Social nesse Ecossistema.
8 de outubro de 2010

Alain de Janvry and Elisabeth Sadoulet : Fitting the Facts and Capitalizing on New

In a world of rapidly changing economic opportunities, institutions frequently lag relative to the objective conditions over which they apply, creating dysfunctionalities that can have high social costs. The Indian caste system is a classical example of such institutional slippage between division of labor and social class positions, with not only high welfare costs for members of lower castes but […]
8 de outubro de 2010

Degradação Ambiental e Indicadores Socioecômicos do Município de Vitória do Mearim, Maranhão

Resumo: Neste estudo propõe-se avaliar o atual estágio de preservação e de degradação dos sistemas agronômicos, bem como as condições socioeconômicas da população rural no município de Vitória do Mearim, no Estado do Maranhão. Isto inclui avaliar o atual estágio de preservação e degradação da base de recursos naturais, tentando-se identificar possíveis fatores responsáveis por essa dinâmica. Foram selecionados 14 […]
8 de outubro de 2010

RECUPERAÇÃO DA MATA CILIAR DO RIO ITAPECURU – MARANHÃO

APRESENTAÇÃO O Itapecuru, que é o principal rio maranhense encontra-se bastante assoreado e com as coberturas vegetais ribeirinhas sensivelmente danificadas na quase totalidade do seu percurso. Este estado de degradação da cobertura ciliar do Rio Itapecuru está provocando um alargamento da sua calha e uma conseqüente redução do seu volume de água, sobretudo nos períodos fora da quadra chuvosa. Como […]
8 de outubro de 2010

Prof. José Lemos: Desenvolvimento Sustentável – Ementa e Textos Selecionados para o Curso de Extensao em Economia Ecologica

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: EVOLUÇÃO E DINÂMICA DO CONCEITO Ementa e textos selecionados para o Curso de Extensão: Economia Ecologia Outubro de 2010
15 de agosto de 2010

Dinâmica Socioeconômica e Ambiental da Desertificação do Município de Monsenhor Tabosa, Ceará

Edlane de Almeida Ribeiro2 RESUMO: A desertificação é um fenômeno de proporções globais e que, começou a chamar atenção da comunidade científica, nos anos 30 do século XX quando ocorreram intensos processos de degradação em alguns estados do meio oeste americano. Este foi apenas o início de uma série de outras ocorrências da gravidade ambiental, social e econômica que o […]
13 de maio de 2010

Uma Análise no Contexto do Desenvolvimento do Distrito de Roldão no Estado do Ceará

RESUMO: Este trabalho analisa a situação sócio-econômica do distrito de Roldão, município de Morada Nova no Estado do Ceará, localizado no bioma da Caatinga, Região Nordeste. Algumas características do distrito; como se dá o desenvolvimento econômico (ou de pobreza) do distrito; políticas para promover seu desenvolvimento com base nas potencialidades locais; e o atual estado de sua economia, como também […]
19 de fevereiro de 2010

ZONEAMENTO AGRICOLA DO MEDIO JAGUARIBE DO CEARÁ

GERMANO SILVA MAIA Monografia de Conclusão do Curso de Bacharel em Economia de 2009
6 de fevereiro de 2010

UM PROJETO DE REDUÇÃO DA POBREZA COM EXTERNALIDADES AMBIENTAIS POSITIVAS NO ESTADO DO MARANHÃO

José de Jesus Sousa Lemos RESUMO: O Governo do Maranhão do período compreendido entre abril de 2002 e dezembro de 2006 havia projetado no Plano Plurianual, elaborado no biênio 2003/2004, que o IDH do Estado deveria se elevar do valor observado em 2002, que era de 0,674, o menor do Brasil, para 0,700 ao final de dezembro de 2006. Os […]