março

Mês: março 2011

25 de março de 2011

Dia Mundial da Água*

José Lemos Neste dia 22 de março comemorou-se o Dia Mundial da Água. Uma data simbólica (todos os dias devem ser de preocupação com este liquido) que serve para nos lembrar da relevância da água nas nossas vidas e do fato de que esta preciosa fonte de vida está desaparecendo do planeta em níveis preocupantes, para dizer o mínimo. No […]
18 de março de 2011

A “Racionalidade” Humana*

José Lemos* Nós, seres humanos, nos jactamos, até de forma arrogante e prepotente de sermos os seres mais inteligentes e esclarecidos do planeta. Orgulhamos-nos da nossa capacidade inventiva que nos propicia um potencial criativo. Não conseguimos vislumbrar nos demais seres vivos, outro com a racionalidade que julgamos ter. De fato, a humanidade experimentou saltos inventivos fantásticos ao longo da sua […]
14 de março de 2011

Fraternidade e a Vida no Planeta*

José Lemos Com este tema a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB lançou nesta quarta-feira de cinzas a Campanha da Fraternidade na sua versão 2011 (CF2011). O objetivo assumido da Campanha é: “Contribuir para a conscientização das comunidades cristãs e pessoas de boa vontade sobre a gravidade do aquecimento global e das mudanças climáticas, e motivá-las a participar […]
9 de março de 2011

O FINANCIAMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA NO ESTADO DO MARANHÃO: um estudo crítico sobre o custo-aluno qualidade do ensino fundamental a partir do FUNDEF

RITA MARIA TORQUATO FERNANDES BULHÃO: Dissertaçao de Mestrado ABSTRACT: This paper aims to analyze the financial politics of the Basic Education in Brazil, especially in the State of Maranhão, from the Law nº 9.424/2006 which established the Manutention Fund and Development of the Fundamental Teaching and the Schooling Valorization (FUNDEF). It is also analyzed the reform of the Brazilian State […]
2 de março de 2011

O Maranhão no Rumo Certo*

José Reinaldo Tavares** e José de Jesus Sousa Lemos*** Temos boas noticias para dar aos nossos conterrâneos. O nosso Estado finalmente descolou de forma consistente, e almejamos que seja definitiva, da incômoda posição que sempre desfrutava de apresentar os piores indicadores de pobreza e de exclusão social. Quando assumimos o Governo em abril de 2002 encontramos o Maranhão com a […]